Manchas na pele

Vale a pena
64%
Vale a pena
Baseado em 6 histórias
Preço médio
R$ 300
Preço médio
  • Não é necessária
  • Não requer hospitalização
  • Menos de 1 hora de intervenção
  • Não requer repouso
  • Efeitos visíveis após uma semana
  • Resultados permanentes

O que são as manchas da pele?

No corpo

Vídeo realizado por Dr André Colaneri

Também chamada descoloração, são lesões benignas particularmente presentes na face (testa, nariz, bochechas) e nas mãos

Os especialistas apontam que sua aparência acontece devido a alterações no funcionamento das células produtoras de melanina, principalmente quando, com o aumento da idade, sua presença começa a diminuir. 

Essas alterações causam uma distribuição desigual da melanina, que faz com que a superfície da pele crie manchas de cor bege ou marrom. O mesmo processo pode acontecer por fatores externos, como a exposição solar e produtos de beleza.

As manchas na pele estão em uma das principais queixas entre homens e mulheres, principalmente aqueles que já estão na faixa dos 30 anos. São pequenas imperfeições, mas que geram muito desconforto por aparentar uma pele envelhecida e/ou irregular. A exposição solar está entre uma das principais causas para o aparecimento, mas podemos também mencionar a utilização de produtos de beleza, alergias e acnes.

Nem sempre a maquiagem resolve esse problema, mas hoje em dia há diversos tratamentos que solucionam o caso.

Quais são as causas?

envelhecimento da pele

O envelhecimento da pele não depende da idade!

As causas que determinam a formação de manchas na pele são numerosas. Primeiro de tudo, encontramos o envelhecimento da pele.

O envelhecimento da pele não só depende da idade, mas também pode ser acelerado por alguns maus hábitos e agentes externos que estimulam os radicais livres e enfraquecem do tecido cutâneo, tornando-o mais frágil. Entre esses fatores, eles destacam em particular:

  • Fumar cigarros 
  • Dieta desequilibrada
  • Radiação solar
  • Poluição
  • Exposição ao sol e ao vento
  • Alterações hormonais (gravidez, menopausa, etc.)
  • Medicamentos à base de estrogênio (por exemplo, pílula anticoncepcional)
  • Acne e outras inflamações da pele
  • Estresse e ansiedade

Tipos

melasmas

Tenha cuidado com a exposição solar

dois tipos, as que podem ser mais escuras ou mais claras que o tom normal da pele. 

Dependendo da tendência genética, e também das justificativas do aparecimento, elas podem apresentar diferentes características. E no caso, a mesma pessoa pode ter os dois tipos de manchas.

A diferença entre a mancha e o melasma é que o melasma inicia como uma pinta, que não é uniforme e possui cor diferente das demais. É importante, que a qualquer aparecimento de pintas após a idade adulta seja informada ao dermatologista, já que pode ser o início de um melasma, que é o câncer mais perigoso de pele.

Uma mancha que aparece com muita frequência no caso de problemas de função hepática, especialmente se for cirrose hepática. Sua aparência é vermelha e é produzida pelo efeito do acúmulo nos capilares que estão na camada mais externa da pele.

    Bibliografía

    "A informação que aparece nesta web é apenas indicativa e nunca pode substituir a informação que o seu médico, cirurgião ou especialista em estética e plástica deve fornecer. Se você estiver avaliando a possibilidade de realizar qualquer tratamento ou intervenção médica (também em caso de dúvidas ou perguntas), vá diretamente ao seu médico especialista para lhe fornecer as informações correspondentes. Cirurgia.net não garante ou recomenda qualquer conteúdo, procedimento, produto, opinião, profissional de saúde ou qualquer outro material e informação neste guia ou em qualquer lugar deste site."
    Ver doutores