Verificada por:
Dr. Adson atua com seus clientes: oferecendo o que há de mais avançado na Medicina Estética e Cirurgia Plástica, com o melhor atendimento e trabalhando fortemente na relação entre médico e paciente.
Atualização: 6 Mai 2022
Informação redatada por: Edilena Ramos

Navegação

  • O que é ácido hialurônico?
  • Benefícios e usos do ácido hialurônico
  • Quem pode realizar um tratamento?
  • Tratamentos
  • Preenchimento para o rosto
  • Preenchimento para o corpo
  • O que deve ser feito antes do tratamento?
  • Resultados e duração do ácido hialurônico
  • Complicações da aplicação do ácido hialurônico
  • Hialuronidase: o antídoto
  • Perguntas Frequentes
  • Bibliografia
botox e preencher rugas

em realidade, é uma substância comum ao corpo humano

O que é ácido hialurônico?

É uma substância fundamental, um sacarídeo ou açúcar complexo, classificado como glicosaminoglicano. Está naturalmente presente no organismo humano, pois é uma das moléculas que compõem os tecidos conjuntivos do ser humano e de outros mamíferos.

Por ser uma substância natural, biocompatível e também reabsorvível pelo corpo, parte de seu sucesso também é devido a essas características e já que tem uma melhor aceitação do corpo.

Na medicina, o ácido é utilizado para a sua função de preenchimento e de hidratação. Que permite tanto preencher as rugas faciais, como também repor volume em certas áreas do rosto e do corpo. O efeito de preenchimento conseguido pela infiltração do produto é devido a uma das principais propriedades desta substância, isto é, a sua resistência e capacidade de retenção de forma.

Acrescentando que, com o avançar da idade temos cada vez menos ácido hialurônico presente no organismo e, consequentemente, a sua deficiência é um dos fatores de enfraquecimento progressivo da pele e formação de rugas.

O procedimento tem adquirido um papel cada vez mais importante nos tratamentos injetáveis ​​e não invasivos da medicina, especialmente na última década. Segundo as pesquisas do ISAPS foram injetados 165.707 no Brasil.

Benefícios e usos do ácido hialurônico

Com um grande campo de atuação, seus principais usos podem ser variados e vão desde a correção de rugas, rejuvenescimento até o reequilíbrio do rosto. A grande vantagem do ácido hialurônico na forma injetável é oferecer o resultado imediato através de um procedimento mínimamente invasivo, sem cirurgia, com baixos riscos, realizado com anestesia tópica e que permite retomar imediatamente as atividades diárias normais.

Ademais, estimula-se a formação de colágeno de modo a melhorar a elasticidade dos tecidos e da pele.

Além disso, tem grandes propriedades cicatrizantes, especialmente no campo da medicina reabilitadora e medicina esportiva. De fato, o ácido hialurônico é frequentemente usado como base para terapias infiltrativas de osteoartrite do joelho ou quadril e articulações no geral. Portanto, se quisermos resumir os benefícios e as aplicações estéticas, podemos afirmar que isso pode ser usado para atingir os seguintes objetivos:

  • Corrigir e preencher as rugas superficiais do rosto
  • Equilibrar os volumes do rosto (nariz, queixo, maça do rosto, testa e têmporas)
  • Volume e rejuvenescimento dos lábios
  • Melhora da flacidez e hidratação da pele
  • Preenchimento das cicatrizes
  • Reduzir os sinais de olheiras
  • Promover processos de cicatrização
  • Correção de assimetrias faciais

Quem pode realizar um tratamento?

Sendo uma substância natural, não tem contra-indicações particulares em nenhum gênero ou idade - homens e mulheres, jovens e pessoas mais velhas - qualquer pessoa pode realizar um tratamento com ácido hialurônico, o médico especialista avalie e indique o procedimento.

Além disso, muitas pessoas se perguntam qual é a idade mais adequada para começar a fazer tratamentos para tentar contrabalançar os sinais de envelhecimento. Sabe-se que não é possível indicar uma idade específica para começar tratamentos de rejuvenescimento, já que cada pessoa tem um processo diferente. Isso ocorre porque as características da pele e seus tempos de envelhecimento não são os mesmos para todos. Sem falar que fatores como: exposição solar intensa, poluição tabagismo, além de hidratação e alimentação inadequadas podem contribuir para o envelhecimento precoce.

Há um consenso que no geral a partir dos 30 anos é possível a avaliar a possibilidade de realizar aplicação de produtos como o ácido hialurônico e bioestimuladores de colágeno, a fim de preservar a hidratação e elasticidade da pele. No entanto, não se deve pensar que esta é uma regra geral para cada paciente, deve-se avaliar junto com seu médico quais são os melhores tratamentos.

Importante:
Não é recomendado fazer este tratamento nos casos de gravidez, cicatrizes muito recentes em processo de recuperação, hipersensibilidade ao produto, presença de feridas, queimaduras ou eczema.

estética da pele

é usado não só no rosto, mas em várias partes do corpo

Tratamentos

É importante para fazer um pequeno esclarecimento de que o ácido hialurónico não é só um tratamento estético.

É uma substância que pode ser utilizada como a base de diferentes tratamentos e procedimentos, tais como o preenchimento, a administração transdérmica e bio-estimulação.

Peenchimento para o rosto

a duração não é permanente

Preenchimento para o rosto

Também chamados de preenchedores dérmicos ou preenchimentos faciais. Essas substâncias têm um efeito temporário e são geralmente compostas de ácido hialurónico, colágeno, vitamina C e hidroxiapatita de cálcio.

Estas são pequenas injeções realizadas diretamente na área a ser tratada, geralmente rugas e sulcos da face, mas também lábios, nariz, maçãs do rosto, olheiras, testa, têmporas e queixo. 

Seu efeito é imediato e tem uma duração variável que varia de 8 a 18 meses podendo em algumas pessoas o efeito durar até 24 meses, dependendo da área em questão, do produto usado e das características fisiológicas do paciente.

preenchimento no corpo

nem sempre é recomendado para o corpo

Preenchimento para o corpo

O ácido hialurônico tem a capacidade de preencher e aumentar os volumes.

Esta propriedade é eficaz tanto para os bochechas ou lábios, bem como para outras áreas do corpo também mais amplas, tais como nádegas e panturrilhas e também cicatrizes ou áreas do corpo com alguma deformidade, devido a acidentes ou trauma.

No entanto, nem todos os médicos recomendam realizar este tipo de tratamento para essas áreas do corpo, por um lado, porque as doses injetadas são muito mais elevados do que aqueles suficiente para o rosto e por outro porque ainda são tratamentos que não têm uma duração definitiva e, portanto, nem sempre garantem resultados satisfatórios para todos os pacientes.

botox e preenchimento

tire todas as suas dúvidas com os médicos

O que deve ser feito antes do tratamento?

Este tratamento não requer cirurgia ou bisturis para ser realizado. Isso significa que, em geral, testes preliminares, como exames de sangue ou urina, não são necessários para o paciente, mas isso pode variar de acordo com a avaliação médica.

De qualquer forma, no entanto, devemos considerar que é um produto que é injetado no corpo, por isso, mesmo que seja um dos procedimentos mais seguros, é sempre importante informar o médico sobre seu estado geral de saúde:

  • Medicamentos tomados
  • Reações alérgicas à anestesia
  • Episódios de herpes 

Existem contraindicações ao tratamento com ácido hialurônico?

De uma maneira geral, as contraindicações para o preenchimento são: gravidez, lactação, inflamação ou infecção no local a ser tratado, distúrbios de coagulação ou uso de anticoagulantes e doenças sistêmicas autoimunes e imunodepressão.

Uma contraindicação relativa ao uso do ácido hialurônico é se o paciente tem forte reação alérgica a picada de abelha, pois a substância que é utilizada para "dissolver o ácido hialurônico" em casos de emergência, chamada hialuronidase, tem componentes semelhantes a substância contida na picada da abelha.

Resultados e duração do ácido hialurônico

Os resultados de um tratamento ou preenchimento com ácido hialurônico são imediatos, mas temporários. De fato, o mesmo deve ser lembrado que é um produto reabsorvível que não produz resultados permanentes.

Então, se você quer usar este procedimento para volumizar os lábios, esconder uma pequena protuberância do nariz ou preencher as rugas do rosto ou repor volume na face para diminuir a flacidez da pele e tecidos, você deve repeti, você deve repetir o tratamento após o período de reabsorção.

Geralmente os resultados obtidos com este produto podem durar entre 12 a 18 meses, às vezes até 24 meses, porém é importante ter em mente que a duração não é previsível de forma exata, pois, o efeito e a duração dependem tanto do local onde a aplicação é realizada, quanto das características do paciente e o tipo de produto utilizado naquela área. De toda forma, é possível conseguir esses resultados:

  • Eliminação de rugas
  • Preenchimento e correção de imperfeições, como cicatrizes profundas
  • Aumento no volume de lábios e maçãs do rosto
  • Remodelação do nariz sem cirurgia (rinomodelação)

Os resultados obtidos podem ser naturais, se o produto for injetado na quantidade e modalidade certas, ademais é possível repetir o tratamento e realizar várias sessões para corrigir e refinar os resultados gradativamente.

riscos do ácido hialurônico

os casos de complicações são raros

Complicações da aplicação do ácido hialurônico

Sendo uma substância natural já presente no corpo humano, é considerado um produto seguro, mas isso não significa que nenhum risco. Portanto, as diretrizes da SBCP recomendam não usar cargas de ácido hialurônico sem presença de um médico ou em grande quantidade. Algunas complicações que podem aparecer são:

  • Hematomas
  • Nódulos
  • Inchaços e granulomas na área tratada
  • Irregularidades e assimetrias
  • Reações alérgicas ao produto, vermelhidão e infecções

A complicação mais grave que pode ocorrer é a injeção acidental de ácido hialurônico em uma artéria que pode provocar obstrução do fluxo sanguíneo na região. Desta maneira, pode ocorrer desde sofrimento leve do tecido, necrose de toda área e até mesmo cegueira se uma artéria que irriga o olho for afetada. É possível reverter os efeitos do ácido hialurônico com uma substância chamada hialuronidase que "dissolve o ácido hialurônico" e permite a reperfusão dos tecidos se aplicada rapidamente.

retirar o ácido hialurônico

é possível reverter o procedimento

Hialuronidase: o antídoto

A hialuronidase (ou hialurônico glucosaminidase) é uma enzima que degrada o ácido hialurônico, permitindo que ele seja reabsorvido.

É usado para melhorar ou corrigir os efeitos de um preenchimento, mas o procedimento deve ser realizado com precisão e cautela por um médico especialista.

É um procedimento realizado nos casos em que a infiltração causa complicações, como assimetrias ou nódulos ou até mesmo obstrução de um vaso, que podem comprometer, que podem comprometer o resultado estético do tratamento.

Nestes casos, é possível injetar hialuronidase na área afetada para neutralizar o ácido e eliminar seu efeito. O resultado é praticamente imediato, porque a substância age dentro de uma hora e os resultados são totais acontecem dentro de 24 horas.

Perguntas Frequentes

  • É possível fazer o procedimento com o plano de saúde? No geral tratamentos com fins estéticos não fazem parte da coberturas de planos no Brasil, de toda forma você pode entrar em contato com o seu plano e perguntar mais sobre as suas possibilidades.
  • Tem efeito permanente? Não, o ácido hialurônico é uma substância natural do corpo que sofre degradação e por isso tem efeito temporário.
  • Quanto tempo dura o efeito? Isso vai depender do tipo de ácido hialurônico, localização e da fisiologia de cada um. Em média, os efeitos podem durar de 10 a 18 meses a em algumas pessoas até 24 meses.
  • Com quantos anos posso iniciar o tratamento de rejuvescimento da pele? Isso também pode variar de pessoa para pessoa, mas em média as pessoas começam buscar tratamentos do tipo na média de 30 anos.
  • Com qual médico devo realizar o procedimento? Com um médico cirurgião plástico e dermatologista especialistas no tema. 
  • Posso ter alguma reação ao ácido hialurônico?  Sim, e é preciso alertar o seu profissional para aplicar o antídoto ou avaliar em quanto tempo o corpo vai conseguir absorver a substância. É importante lembrar que não acontece frequentemente, já que é algo que o corpo reconhece como natural. Comente ao especialista se você tem alergia a qualquer medicamento ou produto assim como se apresenta forte reação alérgica a picada de abelha.

"A informação que aparece nesta web é apenas indicativa e nunca pode substituir a informação que o seu médico, cirurgião ou especialista em estética e plástica deve fornecer. Se você estiver avaliando a possibilidade de realizar qualquer tratamento ou intervenção médica (também em caso de dúvidas ou perguntas), vá diretamente ao seu médico especialista para lhe fornecer as informações correspondentes. Cirurgia.net não garante ou recomenda qualquer conteúdo, procedimento, produto, opinião, profissional de saúde ou qualquer outro material e informação neste guia ou em qualquer lugar deste site."