Verificada por:
Formado em medicina pela Faculdade de Medicina de Teresópolis, especialista em cirurgia geral pela Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro, especialista em cirurgia plástica estética e reparadora
Criação: 29 Fev 2016 · Atualização: 29 Abr 2022
Informação redatada por: Edilena Ramos

Navegação

  • O que é abdominoplastia?
  • Para quem é indicada?
  • Para que serve a abdominoplastia?
  • Como escolher meu cirurgião?
  • Como é a primeira consulta?
  • Como é o procedimento?
  • Quais são os diferentes tipos de abdominoplastia?
  • Como se preparar
  • Como é feita?
  • Como é o pós-operatório?
  • As cicatrizes
  • Resultados da abdominoplastia
  • Complicações ou possíveis efeitos colaterais
  • Perguntas Frequentes
  • Bibliografia
  • Colaboradores do tratamento
abdômen bonito

É possível recuperar a estética com o procedimento

O que é abdominoplastia?

A abdominoplastia tem o objetivo de deixar a barriga plana, já que em diversos casos é possível ter alterações no seu formato normal.

As causas desse relaxamento do abdômen podem ser, como, por exemplo, o excesso de gordura, o excesso de pele, o afastamento dos músculos abdominais (devido a gestações anteriores) ou a perda da elasticidade da pele.

É uma intervenção muito comum e frequentemente realizada por cirurgiões plásticos, o que pode trazer uma grande melhora não só do ponto de vista estético, mas também da autoestima dos pacientes.

pacientes de abdominoplastia

Nem todo mundo pode fazer o tratamento

Para quem é indicada?

O paciente ideal para o procedimento são pacientes saudáveis e que tenham um acúmulo de gordura no abdômen. Às vezes depois de uma gravidez ou perda brusca de peso é difícil voltar a ter o corpo de antes.

Geralmente são pacientes (homens e mulheres) que não conseguem perder a gordura abdominal com atividades físicas e dietas.

Porém, nem todas as pessoas são liberadas, é necessário realizar diversos exames antes, que vão ser pedidos pelo o profissional escolhido.

Ao contrário do que se poderia pensar, esportes, dietas rígidas, cremes e produtos de emagrecimento nem sempre são suficientes para ter uma melhora do abdômen, e isso pode levar a uma profunda infelicidade para as pessoas.

É justamente nesses casos que, apesar dos esforços realizados, a abdominoplastia se torna uma opção. No Brasil, de acordo com as pesquisas realizadas em 2020 de ISAPS, cerca de 112.186 realizam esta intervenção no Brasil.

excesso de pele no abdômen

É possível deixar a barriga plana novamente

Para que serve a abdominoplastia?

O objetivo da abdominoplastia é remover o excesso de pele e o excesso de gordura no abdômen, também pode ser combinado com a lipoaspiração.

Com outras intervenções, se o paciente deseja alcançar uma maior definição, é possível ter um melhor resultado. Mas, nem todas as pessoas podem se submeter a um procedimento muito grande, então vai variar de cada caso.

É importante levar em conta que somente um profissional de cirurgia plástica vai poder realizar consultas sobre o tema, além do procedimento.

Profissional de cirurgia plástica

É preciso confiar no cirurgião plástico

Como escolher meu cirurgião?

Como primeiro passo, recomendamos a realização de uma pesquisa no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, podendo verificar os dados de cada doutor, como, por exemplo o CRM e o RQE.

Na segunda fase da sua pesquisa, você também pode ler as opiniões de pacientes já operados, ver experiências, e tentar entender se é um procedimento que você realmente deseja realizar.

Também é aconselhável entrar em contato com diferentes cirurgiões e realizar várias consultas. Isso permitirá que você ouça diferentes pontos de vista, conheça técnicas diferente e, acima de tudo, avalie com qual cirurgião se sente mais seguro. Uma cirurgia estética é sempre baseada em uma relação de confiança com o cirurgião. O preço varia de acordo com o paciente e o médico.

Consulta com cirurgião plástico

Pergunte todas as suas dúvidas e apresente as suas expectativas

Como é a primeira consulta?

Na primeira consulta o cirurgião vai precisar conhecer toda a história médica do paciente e realizar uma análise profunda, que leva em conta os parâmetros morfológicos, características da pele, a condição da área dos músculos abdominais e do volume de gordura a ser retirada.

O profissional vai explicar qual técnica é a mais adequada para o seu caso, quais os exames necessários antes da cirurgia e também como funciona o pós operatório. 

Sinta-se à vontade para tirar suas dúvidas, já que é o momento ideal para conhecer mais sobre o procedimento com o profissional.

procedimento de abdominoplastia

O abdômen volta ao lugar

Como é o procedimento?

A operação permite tratar três elementos principais do abdômen:

  • Pele: A remoção do excesso de pele, ou do chamado avental abdominal, que pode ser derivado de uma forte perda de peso (após uma operação de bariátrica) ou após uma gravidez.
  • Gordura: A remoção de depósitos de gordura ao redor da parede abdominal, através de uma combinação de lipoaspiração e abdominoplastia.
  • Músculo: Aproximando a musculatura abdominal (o que é chamado de diástase, freqüentemente causado pela gravidez).
diferentes tipos de abdominoplastia

Os exames são essenciais para difinir a melhor técnica

Quais são os diferentes tipos de abdominoplastia?

Nem todos os cirurgiões realizam o mesmo tipo de intervenção, e nem todos os pacientes (masculino e feminino) podem se submeter ao mesmo procedimento. Cada caso, é um caso.

  • Miniabdominoplastia: Em alguns casos, é necessária apenas a remoção do excesso de pele sobre o abdômen, especialmente se o paciente tem apenas um afrouxamento da pele, em particular, após a perda de peso.
  • Abdominoplastia completa: Recupera a pele, a gordura abdominal e os músculos abdominais. Neste caso, o cirurgião primeiro realiza uma lipoaspiração, depois aproxima os músculos da parede abdominal e finalmente remove o excesso de pele. 
pré operatório abdominoplastia

A experiência do profissional é muito importante

Como se preparar

Antes do procedimento, é aconselhável consultar o cirurgião pelo menos duas vezes, a fim de resolver quaisquer dúvidas antes do grande dia.

Não é recomendado tomar analgésicos,como aspirina, ou anticoagulantes nas duas semanas anteriores à cirurgia. Será necessário deixar de fumar por pelo menos 2 semanas antes da operação. 

De toda forma, o seu médico vai avaliar os seus exames pré operatórios e indicar para o seu caso específico o que é melhor.

Como é feita?

1. Lipoaspiração
Primeiro, o cirurgião realizará a lipoaspiração do abdômen. Além de ser um passo essencial para dar bons resultados, o cirurgião retira o excesso de gordura e redefine a barriga, a lipoaspiração cria túneis no tecido adiposo que facilitarão a separação da pele durante o segundo passo da intervenção. É importante notar que esta fase reduz os riscos da operação.

2. Desprendimento e elevação da pele do abdômen 

Durante essa fase, o cirurgião fará uma incisão de cerca de 15 cm na parte inferior do abdômen. Muitas vezes o cirurgião deve fazer duas incisões: a primeira acima da linha dos pêlos pubianos e a segunda ao redor do umbigo. Esta segunda incisão também servirá para reposicionar o umbigo.

3. Fortalecimento dos músculos abdominais

O cirurgião vai aproximar os músculos da parede abdominal para torná-los fortes novamente. Esta tensão muscular é usada em particular para o tratamento da diástase abdominal que, como vimos anteriormente, pode ocorrer após a gravidez.

4. Remoção do excesso de pele

É nesse momento que o cirurgião corta o excesso de pele para eliminar qualquer flacidez, que automaticamente amplia a pele abdominal. 

5. Transposição do umbigo

Finalmente, o cirurgião criará um novo umbigo.

pós-operatório da abdominoplastia

Informe qualquer problema ao seu médico

Como é o pós-operatório?

Este é um procedimento invasivo, mas as dores são toleráveis. O cirurgião prescreverá analgésicos apropriados para o seu pós-operatório.

A recuperação é rápida e algumas horas após o final da cirurgia, o paciente pode levantar e caminhar. Recomenda-se, no entanto, um repouso parcial de pelo menos 2 ou 3 semanas.

Após a operação, é possível que ter edemas e o inchaço na área afetada pela operação, principalmente nos pontos, que pode persistir durante os primeiros 3 meses. Qualquer anormalidade ou dúvida esteja consultando o seu profissional.

As cicatrizes

A idéia de ter uma cicatriz muito visível no abdômen tende a assustar quem está considerando a idéia de se submeter ao tratamento e, na verdade, a cicatriz tende a amenizar gradualmente, mas não desaparece totalmente, existem pacientes que fazem tatuagens para tapar essa cicatriz, mas sempre deve ser consultado o médico antes da realização.

A cicatriz será rosa durante os primeiros 3 meses e gradualmente vai ganhando a sua forma, o que pode demorar até 1 ano. É aconselhável evitar a exposição solar durante os primeiros 3 meses e, posteriormente, usar proteção solar. Para melhorar o processo de cura, é aconselhável evitar fumar e seguir uma dieta mais saudável.

Se a cicatriz criar desconforto ou constrangimento, você pode realizar procedimentos que melhoram a estética das cicatrizes, como laser.

antes e depois da abdominoplastia

A maior parte está feliz com o resultado

Resultados da abdominoplastia

Os resultados são imediatos e visíveis desde o primeiro dia. A barriga se torna plana, firme e com um aspecto estético muito agradável.

Os pacientes no geral ficam muito felizes em voltar a sua rotina, podendo utilizar roupas, ir à praia e piscina. Ou seja, voltam a se sentir confiantes para viver as suas vidas sem a preocupação estética/funcional do abdômen. 

Os resultados finais chegam após 1 ano
. No entanto, a fim de manter os resultados obtidos, é essencial para uma mudança de estilo de vida cuidando da dieta, atividade física e evitar alterações de perda ou ganho de peso.

riscos da abdominoplastia

A vida volta ao normal depois do procedimento

Complicações ou possíveis efeitos colaterais

  • Como acontece com qualquer procedimento cirúrgico, existe a possibilidade de complicações. Por isso é tão importante realizar o procedimento com um profissional qualificado.

    Possíveis riscos e complicações:

  • Infecção
  • Hemorragia
  • Seroma
  • Embolia pulmonar
  • Má cicatrização e quelóides

    Efeitos colaterais:

  • Dor nas costas e nas áreas ao redor do abdome
  • Inchaço
  • Mudanças na sensibilidade na região abdominal

Perguntas Frequentes

  • Se estou acima do peso, posso fazer a bariátrica ou tenho que emagrecer?  É mais adequado esperar o emagrecimento para depois realizar a operação, porque assim os resultados podem ser mais duradouros, ademais de que a cirurgia se torna menos complicada em indivíduos saudáveis. O médico durante a consulta vá calcular o seu IMC para saber em qual faixa de risco você se encontra. 
  • Quanto tempo depois da gravidez é possível realizar a abdominoplastia? "O correto é vc operar após cessar à amamentação. O tempo mínimo são 6 meses." Dr. Rodrigo Cruvinel
  • Quanto custa?  "Valores você terá que ver com um cirurgião plástico membro da SBCP após uma consulta médica. Por lei os médicos são proibidos de passar valores antes das consultas."Dr. Rodrigo Cruvinel
  • Voltando a ganhar peso depois da cirurgia, o que fazer? É necessário vigilar a sua saúde em um estado geral, realizar exames para ver se apresentam alguma anormalidade. Contudo, também se precisa estar de acordo com as suas atividades físicas e alimentação saudável, o procedimento é só um auxílio o resultado para a vida quem garante é o paciente nas suas atitudes diárias. 
  • Anticoncepcional antes da operação, deve-se parar de tomar? Não faça uso desta medicação sem orientação do seu cirurgião. Há aumento do risco de trombose e embolia, portanto não utilize este ou outro medicamento sem orientação."Dra. Rosimara Bonfim
  • É verdade que na abdominoplastia só se pode tirar 10% da gordura total?  "O procedimento é para retirada do excesso de pele e gordura infraumbilical e é sempre associada a lipoaspiração. Na lipo retiram com segurança até 7 % do peso corporal e a cirurgia deve ser realizada em hospital" Dr. Luiz Haroldo Pereira

"A informação que aparece nesta web é apenas indicativa e nunca pode substituir a informação que o seu médico, cirurgião ou especialista em estética e plástica deve fornecer. Se você estiver avaliando a possibilidade de realizar qualquer tratamento ou intervenção médica (também em caso de dúvidas ou perguntas), vá diretamente ao seu médico especialista para lhe fornecer as informações correspondentes. Cirurgia.net não garante ou recomenda qualquer conteúdo, procedimento, produto, opinião, profissional de saúde ou qualquer outro material e informação neste guia ou em qualquer lugar deste site."

Colaboradores do tratamento