Tayane Rocha
Tayane Rocha
Escritora formada pela UFRJ, copywriter e community manager, sendo especialista no tema de cirurgia plástica desde de 2017.
Criação: 29 fev 2016 · Atualização: 25 ago 2019

Publicidade

Navegação

  • Sobre o tratamento para a celulite
  • O que é a celulite?
  • Quais são as causas da celulite?
  • Tipos e fases da celulite
  • Quem são as pessoas que têm celulites?
  • Celulite nos homens
  • O estilo de vida afeta?
  • Qual médico pode solucionar a celulite?
  • Como será a consulta?
  • Quais são os tratamentos anti-celulite?
  • A lipoaspiração é uma intervenção para a celulite?
  • Resultados e manutenção contra a celulite
  • Perguntas Frequentes
  • Depoimentos
  • Bibliografía

Vídeo realizado por Fina Forma

Sobre o tratamento para a celulite

A celulite afeta quase metade da população e este é um problema que afeta principalmente a população feminina. De fato, 95% das pessoas que sofrem deste problema são mulheres.

As causas que podem determinar o aparecimento da celulite são muitas, assim como os tratamentos que os profissionais têm desenvolvido ao longo dos anos para combater os efeitos da chamada "casca de laranja".

celulite nas pernas

A celulite é uma doença

O que é a celulite?

Celulite é também chamado de-edematoso-fibro esclerótica (EFP) ou liposclerosis e, ao contrário do que se poderia pensar, não é apenas um problema estético simples, mas é sim uma doença real que é gerada por uma alteração do tecido subcutâneo.

A celulite se manifesta com o típico efeito casca de laranja, principalmente nas nádegas e coxas, mas também pode se formar nos braços.

De acordo com a definição formulada pelos médicos, celulite é uma doença inflamatória  caracterizada pelo aumento do volume das células de gordura nos espaços intracelulares, em que os fluidos em excesso são acumuladas, provocando uma desaceleração no sistema linfático  e conseqüentemente, a formação de retenção de líquidos e celulite.

De acordo com essa definição, podemos entender porque a celulite não é considerada um defeito estético comum, mas sim um efeito patológico.

causas da celulite

As causas são diversas

Quais são as causas da celulite?

As causas que determinam a formação da celulite são principalmente: a desaceleração da microcirculação, a estagnação de líquidos e a falta de oxigênio nos tecidos. Mas quais são exatamente os fatores que determinam essas alterações do sistema sanguíneo e linfático e, portanto, as causas que causam o aparecimento da celulite?

Há elementos são externos ou internos a nós que podem promover a celulite:

1)O estilo de vida sedentário
2)Excesso de alimentos pré-embalados
3)Excesso de sal e açúcares 
4)Consumo de bebidas alcoólicas
5)Fumaça de cigarro (a nicotina age negativamente na circulação sanguínea)
6)Constipação
7)Genética
8)Excesso de peso
9)Distúrbios da circulação venosa 
10)Desequilíbrios hormonais
11)Retenção de água
12)Trauma físico ou infecção
13)Doenças(como diabetes)

Tipos e fases da celulite

Existem 4 estágios diferentes, classificados de acordo com o grau de severidade:

1º estágio ou estágio congestivo:
 as fibras elásticas conectivas iniciam o processo de dissociação devido à drenagem insuficiente de líquidos, produzindo o efeito casca de laranja.

2º estágio ou estágio-infiltrativo: 
nesta fase a pele é mais frágil e fina, ao tocar a área onde a celulite é formada você pode perceber uma leve dor e também a presença de micronódulos.

3ª etapa ou estágio organizacional-fibroso:
 os micronódulos podem se tornar macronódulos, o tecido conjuntivo sofre causa bloqueio na eliminação de catabólitos pelo organismo.

4ª etapa ou estágio cicatricial fibroso: 
inchaço grave da pele devido ao fechamento de elementos estagnados, escória, líquidos e gorduras, causando a formação dos chamados "buracos de celulite" ou "pele de colchão".

Além da divisão por etapas, a celulite também é dividida em 4 tipos:

- Celulite mole ou celulite flácida: localizada principalmente na parte interna das coxas e braços, afeta principalmente pessoas que passam por frequentes mudanças de peso.

Celulite edematosa: é formada sobretudo nas nádegas e pélvis, também pode se formar nos tornozelos e na parte inferior das pernas. É acompanhado por uma sensação de dor ao toque. Este tipo de celulite está associado a problemas de circulação venosa e linfática das pernas. Numa fase inicial, apresenta uma sensação de peso e inchaço dos membros inferiores, que, se não forem tratados, com o passar do tempo, podem levar a um agravamento adicional do aparecimento da celulite.

Celulite dura ou celulite compacta: esta é a forma mais comum de celulite formada sobretudo nas nádegas, coxas e joelhos. Pode ser encontrado, em particular, em pessoas de boa forma física e boa musculatura. As estrias também podem se formar na área afetada pela celulite e às vezes podem ser dolorosas ao toque.

- Celulite fibrosa:
 chamada de termo técnico de panicolopatia edemato fibro sclerotica, é caracterizada pela contínua estagnação de líquidos que torna a pele dura e dolorosa ao toque

pessoas com celulite

As mulheres são as que mais sofrem

Quem são as pessoas que têm celulites?

Como vimos, o início da celulite é devido a alterações no sistema circulatório e linfático, que podem depender tanto por genética ou maus hábitos diários, variações e desequilíbrios hormonais. Na verdade, a celulite pode se desenvolver particularmente durante as fases da vida em que o corpo está mais sujeito a esse tipo de desequilíbrio hormonal, como a adolescência, a gravidez e a menopausa.

A celulite é um problema que afeta praticamente todas as mulheres: 98% delas entre 16 e 54 anos têm, até certo ponto, problemas de celulite.

Excesso de peso certamente pode facilitar a presença de celulite, no entanto, esses dados mostram como a aparência desta imperfeição  não está diretamente relacionada ao peso, já que  mulheres magras e em forma podem estar sujeitas à formação de celulite.

Celulite nos homens

Poucos homens apresentam celulites

Celulite nos homens

A celulite nos homens é muito rara. Isso porque a estrutura dos tecidos dos homens é muito diferente da das mulheres. Na verdade, isso poderia aparecer no caso em que um homem sofra de fortes problemas hormonais ou obesidade grave.

Às vezes também é possível que um paciente se refira a um problema de gordura localizada com o termo impróprio da celulite, mas não é a mesma coisa. Por esse motivo, no caso de suspeita de celulite em humanos, é aconselhável entrar em contato com um especialista que seja capaz de estabelecer o diagnóstico correto e, consequentemente, a terapia mais indicada.

como retirar as celulites

É preciso buscar uma vida mais ativa e saúdavel

O estilo de vida afeta?

Seguir hábitos alimentares saudáveis ​​e praticar atividade física sempre pode ter repercussões positivas no bem-estar e na estética do corpo.
Os especialistas sugerem, por exemplo, algumas mudanças em sua dieta diária podem ajudar na formação da celulite:

  • Reduzir a ingestão de sódio, limitando o uso de sal na cozinha
  • Evitar alimentos armazenados, embalados ou naturalmente muito ricos em sal (por exemplo, queijos)
  • Beber muita água
  • Comer vegetais que contêm muita água, potássio e antioxidantes

     É sempre aconselhável combinar a atividade física e exercícios direcionados que podem ajudar o corpo a eliminar a celulite e o excesso de fluidos.
médicos que cuidam da celulite

Busque conhecer a experiência do especialista

Qual médico pode solucionar a celulite?

Caso você queira intervir sobre a celulite e sobre depósitos de gordura localizada com uma lipoaspiração, basta entrar em contato com cirurgiões especializados em Cirurgia Plástica e Reconstrutora.

Na Sociedade Brasileira em Cirurgia Plástica possível verificar tanto a matrícula quanto o currículo dos estudos dos médicos. É importante se sentir confortável na consulta com o profissional, e analisar  as técnicas que vão ser utilizadas para o procedimento, assim você terá a possibilidade de escolher o profissional que mais se encaixa com as suas expectativas.

consulta para retirar celulite

Tire todas as suas dúvidas

Como será a consulta?

Durante a primeira visita, o paciente deve informar o especialista sobre todos os detalhes de seu histórico médico e estilo de vida, para que o médico possa identificar os fatores que afetam a celulite e quais tratamentos podem ser mais adequados.

Nessa fase, além disso, o paciente terá que explicar com sinceridade as motivações que o levaram a entrar em contato com um especialista e quais são suas expectativas em relação aos resultados que deseja alcançar. Desta forma, o médico será capaz de explicar quais opções estão disponíveis e quais os resultados realistas que poderiam ser obtidos através de um ou mais tratamentos, pode esclarecer quaisquer fatores de risco e também indicar os custos totais do serviço.

É importante que durante a primeira visita o paciente pergunte ao seu médico todas as suas dúvidas e incertezas sobre os diferentes passos do tratamento, para que uma decisão consciente e consciente possa ser tomada.

    Quais são os tratamentos anti-celulite?

    Os tratamentos  para a celulite são normalmente intervenções não-invasivos ou mini-invasivos e podem incluir uma grande variedade de métodos: a partir de terapias infiltrativas como mesoterapia, até que a massagem de drenagem linfática ou radiofrequência.
    Vamos ver, em primeiro lugar, as terapias infiltrativas contra a celulite:

    Mesoterapia:
     É baseado em microinjeção intradérmica de drenagem linfática e substâncias lipolíticas, que acrescenta que é um método muito eficaz para melhorar a celulite e problemas circulatórios nas pernas. Um ciclo Mesoterapia, geralmente consiste de cerca de 10 sessões de ser levadas a cabo todas as semanas, mas esse número pode variar de acordo com as características de cada pessoa.

    Terapia carboxi:
     Esta é também uma terapia celulite infiltrante, o que é realizado através da injecção subcutânea de dióxido de carbono através do uso de uma agulha muito fina que não deixa sinais visíveis. O Carboxytherapy atua sobre o sistema linfático, melhora a circulação, ajuda a remover os fluidos intersticiais e acelera a libertação de oxigénio pelas células vermelhas do sangue, com o efeito de que os tecidos aparecem mais tónicos. Também neste caso o tratamento envolve um ciclo de cerca de 10 sessões.

    Microtherapy: Esta técnica se baseia em micro-injecções de substâncias que ajudam a eliminar da retenção de água e reduzir a celulite. A diferença  é que as substâncias utilizadas contêm um hipertónica solução natural, desprovido de drogas e indolor, que atua, por um lado, invocando os líquidos em relação a derme, a fim de facilitar a reabsorção pelos vasos linfáticos e capilares e por outro dissolvendo a gordura. Também neste caso, é aconselhável realizar pelo menos 10 sessões.

    Intralipotherapy: 
    Esta terapia envolve a infiltração intra adipócito de fosfatidilcolina e ácido desoxicólico. Este método permite não apenas a eliminação da celulite, mas também os depósitos de gordura localizada. Novamente o médico faz uso de agulhas muito finas e tratamento - como na anterior - pode ser realizada na clínica. Os resultados já são visíveis após a primeira sessão e o ciclo completo geralmente requer 5 ou 6 sessões.

    Existem também muitos outros tratamentos para combater a celulite. Alguns destes são:


    A drenagem linfática é uma massagem de drenagem manual do indicado para o tratamento da celulite, particularmente adequado como um complemento à lipoaspiração ou lipoescultura. A função de massagem linfática é estimular a drenagem de fluidos e, assim, reduzir os efeitos da retenção e melhorar a circulação. A vantagem é que esse tipo de massagem também ajuda o paciente a relaxar os músculos e reduzir a sensação de tensão. Esse tratamento envolve um ciclo de sessões diferentes - cujo número pode variar de paciente para paciente - e é frequentemente associado a outros tratamentos contra a celulite.

    Electrolipólise: Útil em todas as diferentes fases da celulite, mas em particular para a fase fibrose. Para realizar este tratamento, o médico deve ser colocado na camada subcutânea de agulhas muito finas, que estão ligados a um dispositivo que gera uma corrente capaz de dissolver o tecido adiposo e a celulite, através da criação de campos magnéticos.

    Cavitação:
     Trata-se de um tratamento não cirúrgico, feito com uma máquina equipada com uma peça de mão especial e utiliza ultrassom de baixa frequência para eliminar a celulite e a adiposidade depositada no nível subcutâneo. A ação do ultra-som permite romper gradualmente as células de gordura, garantindo que a gordura contida nelas seja rompida e, em seguida, passe pela circulação linfática e seja expelida do corpo pelos rins e pelo fígado, esclarece o especialista. Também neste caso o tratamento terá que ser dividido em um número de sessões a serem estabelecidas de acordo com as características do paciente.

    De radiofrequência: A aplicação do referido tratamento envolve a utilização de uma peça de mão máquinas que gera calor, a fim de estimular a produção de colagénio na zona em causa. O tratamento é indolor, e melhora a celulite, graças à acção do calor sobre a microcirculação e a oxigenação dos tecidos. O tratamento fornece um número mínimo de 6-8 sessões com duração entre 20 e 30 minutos

    Cellfina: É
     um dispositivo que permite reduzir a depressão da celulite que vai cortar os septos subcutâneos fibrosos que estão na origem da casca de laranja. Também chamado Subcision Guidata: em primeiro lugar as áreas a serem tratadas são marcadas, então a infiltração do anestésico é realizada para que o cirurgião possa proceder à remoção do broto fibroso através de um aparelho equipado com uma pequena lâmina reciprocante que corta completamente o septo fibroso.

    Va
    cuoterapia: O objetivo é estimular a circulação linfática e sanguínea e reduzir a retenção de água e a celulite, graças à ação da descompressão cutânea gerada por uma massagem realizada com o auxílio de uma máquina especial.

    Vídeo produzido por Siamed

    A lipoaspiração é uma intervenção para a celulite?

    A lipoaspiração, ao contrário do que se poderia pensar, não é uma intervenção explicitamente projetada para eliminar a celulite. Pelo contrário,  intervir na celulite com uma lipoaspiração pode até levar a um agravamento.

    Na verdade, a lipoaspiração não é utilizada para a celulite, mas seu objetivo é moldar o corpo eliminando o excesso de gordura.

    No entanto, há um novo método cirúrgico - chamado Celulo Release - que foi projetado para resolver problemas de gordura localizados acompanhados pela presença de celulite. É uma intervenção que pode durar de 40 minutos a 1 hora e consiste na remoção do excesso de gordura e pele e a tensão do tecido remanescente para criar um efeito lifting que elimina os buracos que formam o efeito de casca de laranja.

    resultados do tratamento contra a celulite

    Busque realizar os tratamentos e também ter uma vida mais equilibrada

    Resultados e manutenção contra a celulite

    Os resultados obtidos com tratamentos para a celulite podem ser bons. Entretanto, para obter um resultado satisfatório é essencial estabelecer o diagnóstico correto. Na verdade, a celulite não é uma imperfeição simples da pele, mas é causada por alterações na microcirculação. Portanto, se não for tratada com a abordagem apropriada, será possível obter resultados positivos, mas não conclusivos, portanto, serão apenas temporários.

    Além disso, é importante lembrar que, mesmo que um ciclo de tratamentos tenha sido realizado por completo, não significa que a casca da casca de laranja não possa reaparecer, mesmo nos mesmos pontos. Para manter os resultados obtidos graças aos tratamentos anticelulite durante muito tempo, é necessário seguir algumas dicas de manutenção:

    • Não negligencie a atividade física
    • Evitar alimentos que contenham excesso de sal e açúcar
    • Evite alimentos fritos e gordurosos
    • Reduzir o consumo de carboidratos refinados (macarrão, arroz, pão branco)
    • Evite bebidas alcoólicas e bebidas carbonatadas
    • Beba 2 litros de água por dia

    Perguntas Frequentes

    • Como retirar as celulites após a gravidez? "Exitem vários tratamento para a redução da celulite, inclusive com Laser. Mas não se desespere, espere o corpo regredir as alterações hormonais causada pela gestação isso leva algum tempo, enquanto isto cuide do seu bebê amamentando, isso ajuda a fazer a reorganização corporal."  Marias Estética & Podologia
    • Qual o tratamento mais moderno para celulite? "Hoje existem inúmeros protocolos internacionais para tratamento de estrias com resultados satisfatórios que reduzem em até 80% das estrias. Utilizam vários métodos ao mesmo tempo para esse resultado.Existem alguns dermatologistas com programas Zero Estrias que os resultados são muito bons, procure um dermatologista o qual irá examinar e esclarecer suas dúvidas. Como existem diversas maneiras os valores podem alterar"Dr. Fabricio Francischone
    • Existe cirurgia para combater a celulite grau 4? "Uma das possibilidades para o tratamento de celulite no abdômen é realizar a lipoaspiração, que pode ser combinada com procedimentos para quebrar as "traves", como o vaser, laser ou subincision. Em alguns casos, pode ser necessário o uso de enxertos de gordura nas depressões maiores ou o uso de preenchedores com o ácido hialurônico ou ácido polilático." Dr. Marcio Harada Cirurgia Plástica
    • O procedimento de cavitação funciona? "Sim, é muito bom o resultado. Mas lembre-se que nenhum tratamento é milagroso, este tratameto ajuda na lipólise e na manutenção do tônus, mas fazer exercícios também é uma boa e potencializa os resultados."  Marias Estética & Podologia
    • Qual o valor do procedimento para retirar a celulite? Os valores devem ser passados, por lei brasileira, na consulta com o seu profissional escolhido. É importante ressaltar que os valores podem variar de acordo com a gravidade do caso e/ou tratamento escolhido. 

    Depoimentos

    "Eu jamais esperava uma mudança assim tão imediata. Já tinha ouvido falar muito bem da cavitação, mas não sabia que com tão poucas sessões era possível conseguir um resultado incrível. Fiz três sessões e..."

    Ver experiência

    CleoniceRodrigues - General Sampaio, Ceará

    "Passei anos insatisfeita com o meu corpo. O que mais me incomodava era a quantidade excessiva de celulite na barriga e nas pernas. Investi um bom dinheiro em cremes e tratamentos estéticos, todos sem nenhum sucesso. Já tinha me convencido que a única opção para o meu caso era a cirurgia, quando uma colega do trabalho me comentou sobre a cavitação. Gostei do que escutei e decidi experimentar. O resultado foi..."

    Ver experiência

    FatinhaGarbossa - Presidente Olegário, Minas Gerais

    "Depois de um bom tempo investindo meu dinheiro na compra de cremes caríssimos e acreditando em promessas milagrosas, decidi economizar para fazer um tratamento anticelulite com um profisisonal. Pesquisei muito, conversei com médicos e encontrei a fórmula: um combinado entre carboxeterapia, endermologia e..."

    Ver experiência

    MaricelG72 - Lagoa Dourada, Minas Gerais

    "A informação que aparece nesta web é apenas indicativa e nunca pode substituir a informação que o seu médico, cirurgião ou especialista em estética e plástica deve fornecer. Se você estiver avaliando a possibilidade de realizar qualquer tratamento ou intervenção médica (também em caso de dúvidas ou perguntas), vá diretamente ao seu médico especialista para lhe fornecer as informações correspondentes. Cirurgia.net não garante ou recomenda qualquer conteúdo, procedimento, produto, opinião, profissional de saúde ou qualquer outro material e informação neste guia ou em qualquer lugar deste site."