Verdades e mentiras sobre a mamoplastia!

Verdades e mentiras sobre a mamoplastia!
Profissonal que está sempre buscando mais conhecimento e em melhorar a qualidade de vida das pessoas. Cirurgiã por paixão, médica por vocação. Dra. Julyce Basilio de Assis, CRM-SP 117896 / RQE 28739
Criação: 11 abr 2019 · Atualização: 11 abr 2019

A mamoplastia é um dos procedimentos mais buscado no Brasil e no mundo. Muitas mulheres desejam buscar mais autoestima e segurança nessa cirurgia, mas na mesma proporção a quantidade de dúvidas aparecem. A Dra. Julyce Assis tirou as dúvidas de pacientes para poder esclarecer melhor o tema:

1) Quais são os riscos possíveis na mamoplastia? "Como qualquer cirurgia, a mamoplastia não é isenta de riscos. As complicações podem ser locais como:  sangramentos e hematomas, infecções, deiscências ( quando os pontos “abrem”), necroses ( perda de alguma parte de tecidos, como pele e aréolas);  ou podem ser mais graves, como tromboses e embolias, que podem levar até mesmo a óbito. Os riscos podem ser minimizados começando pela escolha de um cirurgião plástico que faça parte da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a adequada avaliação pré-operatória, e o seguimento das orientações pós-operatórias dadas pelo seu médico."

2) Qual é a melhor maneira de garantir uma boa cicatrização? "O uso de malhas compressivas ( sutiã cirúrgico), cuidados locais indicados pelo cirurgião ( curativos, pomadas), e repouso relativo com os braços, podem ajudar na boa recuperação. Lembre-se sempre que, apesar de todos os cuidados, as cicatrizes serão sempre permanentes e que podem ocorrer cicatrizes inestéticas ( “altas”, largas, escuras, quelóides…) por fatores genéticos individuais."

3) Quanto tempo é necessário para voltar às atividades normais? "Depende da extensão do procedimento realizado. Por exemplo: inclusões de próteses de silicone, sem outros procedimentos associados, permitem um retorno mais rápido. Aproximadamente 7 dias para as atividades que demandam menor esforço. Já cirurgias mais extensas, como mastopexias e mamoplastias redutoras, podem demandar 30-60 dias para que o paciente volte a realizar as atividades que requerem maior esforço com os braços e a prática de esportes."

4) É possível combinar várias técnicas em uma operação? Por exemplo? "Sim. É possível por exemplo, numa mesma cirurgia incluir próteses de silicone para repor volume e tratar o excesso de pele (mastopexia com uso de próteses)."

5) Quanto tempo demora para ver os resultados finais? O inchaço persiste durante muito tempo? "Como em qualquer cirurgia, o organismo precisa de tempo para que haja a recuperação e acomodação dos tecidos. O inchaço persiste por aproximadamente 3 meses e as mamas podem demorar até 6 meses para atingirem a forma final."

6) Como é possível garantir os melhores resultados na mamoplastia? "Seguindo rigorosamente as orientações médicas de pré e pós operatório e evitando as grandes oscilações de peso."

Busque sempre um profissional certificado pela a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

O conteúdo publicado no Cirurgia.net (site e App) em nenhum caso pode, nem pretende substituir as informações fornecidas individualmente por um especialista em cirurgia e medicina estética ou áreas afins. Este conteúdo é meramente indicativo e não é um conselho médico nem um serviço médico de referência. Fazemos um esforço e esforço constante para manter um alto padrão e precisão nas informações fornecidas, no entanto, a precisão e a adequação das informações contidas ou vinculadas não são garantidas.